Equipamento possui todos os comandos reais num sistema em 3D. Foco será em empresas e escolas interessadas treinar mão de obra.

A Virtualy, empresa especializada em simuladores, inaugura no dia 9 de dezembro (quinta-feira), às 16h, na Incubadora de Empresas da COPPE/UFRJ, Cidade Universitária – Ilha do Fundão, o primeiro Centro de Simulação de Guindastes Portuário e Offshore desenvolvidos com tecnologia totalmente nacional. O Centro será o primeiro desta categoria no Brasil e vai funcionar como ambiente de treinamento para operações em guindastes de bordo, portainer, ponte rolante e caminhões. Os simuladores estarão disponíveis para empresas, escolas e pessoas físicas, interessadas em locar os equipamentos para treinamento de mão de obra qualificada.

O centro terá dois simuladores com projeção em cave (caverna digital) e duas estações de mesa para operação a partir de monitores interligados, os dois formatos servem como base para operar diferentes modelos de guindastes. Os simuladores apresentam situações que podem ser vivenciadas durante o exercício da função, como procedimentos padrões de manipulação da carga, carga e descarga de navio, condicionamento em situações de emergência e condições adversas de clima, entre outros.

O treinamento no ambiente portuário e offshore é importante, principalmente, para garantir segurança e agilidade nas operações, reduzir custos e aumentar a produção, já que os treinamentos não precisam mais serem feitos no próprio equipamento real ou fora do Brasil, como atualmente acontece.

A tecnologia comercializada pela Virtualy foi desenvolvida no Laboratório de Métodos Computacionais em Engenharia – LAMCE/COPPE. Os simuladores funcionam a partir de uma réplica de cabine com todos os comandos ativos integrados a um sistema de visualização avançado. O cenário virtual em 3D, que pode ser projetado em cave ou em monitores interligados, simula sons e condições meteorológicas em tempo real. Os cenários são reproduções do ambiente de portos brasileiros, entre eles o porto de Santos e do Rio de Janeiro, Portocel Espírito Santo.

A Samplling Planejamento, empresa de treinamentos, é parceira da Virtualy e será a primeira empresa a utilizar os simuladores do Centro de Simulação de Guindastes Portuários e Offshore para cursos de treinamento.

Por meio de um consórcio entre a Universidade de Genova, na Itália, e a Coppe/UFRJ, a tecnologia desenvolvida na COPPE e hoje comercializada pela Virtualy, foi fornecida para treinamento de operações em portos italianos. Um simulador de porteiner opera no Porto de Caliari, na Sardenha, e um simulador de caminhão de operações portuárias para treinamento, no Porto de Genova.

A tecnologia em simulação da Virtualy tem Atestado de Exclusividade de Produção Nacional, emitido pela ABINEE – Associação Brasileira da Indústria Elétrica e Eletrônica. O atestado certifica que apenas a Virtualy produz essa tecnologia em série no Brasil. A mesma base tecnológica usada nos simuladores offshore é usada no desenvolvimento outros modelos de simuladores que atendem o setor da construção civil, portuário, mineração e aviação.

Modelos de simulador de guindastes:

SIMCRANE – SIM32 (Guindaste de Bordo) O SIM32 é um simulador de guindaste para o treinamento de operações em equipamentos do tipo de Bordo. O guindaste de bordo é um equipamento utilizado nos navios que se destinam à operação de embarque e desembarque de contêiner e cargas.

SIMCRANE – SIM40 (Portainer) O SIM40 é um simulador de guindaste para o treinamento de operações em equipamentos do tipo Portainer, equipamento destinado à operação de embarque e desembarque de contêiner.

SIMCRANE – SIM35 (Ponte Rolante) O SIM35 é um simulador de guindaste para o treinamento de operações em equipamentos do tipo Ponte Rolante.

SIMCRANE – SIM Offshore – O SIMOffshore é um simulador de guindaste para o treinamento de operações em equipamentos do tipo Offshore.

SIMTRUCK – Um simulador de caminhão para o treinamento de mão de obra especializada. Este equipamento se adapta, também, a treinamento de reach stacker, empilhadeira de grande porte.

Fonte: http://gazetaweb.globo.com

Categorias: -

Deixe uma resposta