14 de janeiro de 2010 às 00:07
Por Equipe InfoMoney – InfoMoney
Ações de treinamento e desenvolvimento são bem difundidas entre as empresas brasileiras. Uma pesquisa realizada pela Watson Wyatt, com 133 companhias, revelou que 77% adotam essas práticas para os funcionários.

Durante o treinamento e desenvolvimento, 94% das empresas trabalham tanto com habilidades técnicas como comportamentais. Apenas 6% das empresas trabalham somente com o técnico. Em nenhuma empresa o tema comportamental é abordado sozinho.

Práticas

Entre as práticas mais aplicadas aos profissionais, estão coaching, intercâmbios internacionais, job rotation, intercâmbios nacionais e mentoring.

O coaching, que é uma atividade que ajuda profissionais que querem atingir um objetivo na carreira, é aplicado por 88% das empresas que trabalham com ações de treinamento e desenvolvimento para os funcionários. Intercâmbios internacionais vêm em segundo lugar como a atividade mais aplicada, com 62% das empresas.

Já o job rotation, que é um rodízio de cargos realizado para que o profissional conheça funções diferentes dentro da empresa, é praticado em 52% das companhias. Os intercâmbios nacionais são aplicados para os funcionários em 33% das empresas.

O mentoring é uma ação de treinamento, em que um profissional mais experiente da empresa acompanha o trabalho de um novato ou não, com o objetivo de aprimorar o conhecimento do aprendiz ou até mesmo para programar uma sucessão. Essa atividade está presente em 27% das empresas.

Pesquisa

As empresas que tinham mais de 4 mil funcionários representaram 35% das participantes da pesquisa, que foi realizada em novembro do ano passado e divulgada em janeiro. Em seguida, vêm as empresas com 2.001 a 4 mil funcionários (18%), de 101 a 500 (15%), de 1001 a 2 mil (14%), de 501 a mil (11%) e até 100 (8%).

Fonte: www.administradores.com.br
Categorias: -

Deixe uma resposta