As manicures e pedicures são alvo de doenças como hepatites B e C, para esta prevenção foram feitas orientações pela Vigilância Sanitária de Santa Izabel do Oeste.
O uso de instrumentos cortantes, como o alicate, e o contato com sangue fazem com que as profissionais sejam incluídas nos grupos sujeitos a contrair a doença.
“Temos que incentivar que as clientes levem o próprio material na hora de fazer as unhas dos pés e das mãos nos salões de beleza”.
Uma pesquisa relevou ano passado que 20% das manicures ouvidas no município de São Paulo têm hepatite B.
Das 100 entrevistadas, em salão de beleza das classes altas e de baixa renda da capital paulista 74% das profissionais não lavam as mãos entre uma cliente e outra nem estavam vacinadas contra a doença, 72% desconheciam as formas de contágio e somente 5% usavam luvas descartáveis.

Como limpar e esterilizar instrumentos em casa
A limpeza deve ser feita da seguinte maneira
– utilize detergente neutro
– uma escova de dente (usada) para limpar os locais onde acumulam sujeira
– utilize alcool a 70º umas três vezes ao dia
Como é feito nos salões de beleza a esterilização
No Salão existem um equipamento que permite a esterilização a uma alta temperatura acima de 120º, com isso bácterias e virus são destruídos pelo alto calor.
Vírus HIV e da Hepatite necessitam de mais de 2 horas a uma temperatura de 160º para serem destruídos.
Alguns HIV são resistente as luzes ultravioletas utilizadas no processo de esterilização.
O que é hepatite?
As hepatites B e C são infecções do fígado causadas por vírus, que atacam o fígado, que fica do lado direito, abaixo das costelas. Milhões de pessoas no Brasil podem ser portadores desses vírus e não sabem.

Quais são os sintomas?
Essas doenças são transmitidas pelo sangue, sendo que a hepatite B é uma doença sexualmente transmissível e muito fácil de pegar. Os sintomas são cansaço, tontura, enjôo, febre, dor na região do fígado, pele e olhos amarelados, urina escura e fezes claras. Porem a hepatite pode ser assintomática.
As hepatites B e C podem evoluir para cirrose e câncer de fígado.
Como a doença é transmitida?
Através de corte onde ocorre a perfuração do tecido e com isso o vírus é transportado e acontece a contaminação.
O vírus da hepatite B pode ficar dias em uma toalha, por exemplo.
Vacina
Para hepatite C não existe vacina, contudo para a hepatite B tem uma vacina, que protege se aplicada três dose

Fonte: www.jornalnovotempo.com.br

Categorias: -

Deixe uma resposta