Bom dia amigos leitores do meu site. Estava lendo revendo alguns conceitos sobre os 4 Níveis de Kirkpatrick e fui buscar atualizações no http://www.kirkpatrickpartners.com/Blog, quando encontrei uma informação bem interessante que resolvi compartilhar.

Boa leitura para todos

Claudio Moreira

Usando os Níveis de Kirkpatrick Sequencialmente?É importante completar os níveis de Kirkpatrick sequencialmente? começar com nível 1 e concluí-lo antes de se mudar para o Nível 2, em seguida, completar o Nível 2 e passar para o nível 3, e assim por diante?

Nível 1 não vem sempre em primeiro lugar

Para ser justo, os escritos anteriores sobre os quatro níveis indicaram que eles eram usados ​​em seqüência, porém a observação refutou isso. Por exemplo,  se você completar seu Nível 1 (Avaliação de Reação) no final do programa e avaliar as atividades de aprendizagem durante todo o evento (Nível 2) você medirá o Nível 2, antes de medir o Nível 1.

Os quatro níveis não foram criados igualmente

Mais importante, nós da Kirkpatrick Partners ficamos preocupados quando vemos uma organização que aplica a mesma quantidade de rigor e esforço tanto para o Nível 1, quanto para o Nível 3. O Nível 1 normalmente deve exigir o mínimo de recursos e o nível 3 mais. Ao planejar suas intervenções formativas, certifique-se que uma quantidade generosa dos recursos serão dedicados ao suporte on-the-job, quando as pessoas estão na fase crítica de tentar aplicar uma nova habilidade.

Use os quatro níveis no sentido inverso durante o planejamento

Ao planejar um programa de treinamento, é fundamental ter uma visão clara do resultado final desejado e como o treinamento especificamente vai impactá-lo. É importante a visão que dá importância relativa aos Níveis 1 e 2 em perspectiva. Eles são apenas um meio para apoiar os níveis 3 e 4.

Fonte: http://www.kirkpatrickpartners.com/Blog


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *